Browsing Tag

Bate papo

5 passos para viver mais leve

1 – Substitua as perguntas

Ao invés de você se perguntar por que esta passando por determinada situação, pergunte-se: O que devo aprender com ela? Tá, eu sei que não é fácil manter a mente serena diante de uma dificuldade, mas entender que toda e qualquer adversidade serve principalmente para tirarmos um ensinamento, torna o processo um pouco menos sofrido. Já dizia Dalai Lama ” O período de maior ganho em conhecimento e experiência é o período mais difícil na vida de alguém”.

2- Não resista aos sentimentos

Aceite a sua dor e viva como parte do seu crescimento espiritual, mas não a sustente mais do que o seu necessário. Entenda que nenhum sofrimento é eterno e que ele só dura o tempo que você permite. Se você está passando por um luto, uma perda – Seja ela qual for – Não resista. Sinta-a. No entanto, dê a si mesmo a oportunidade de dissolvê-la pouco a pouco.

3- Livre-se das culpas

Para que você possa se conectar com as energias do alto, é preciso primeiramente livrar-se de toda culpa que te acorrenta.  Tire o peso das costas e ressignifique os seus erros. Encontre uma maneira de aprender com eles, permitindo-se melhorar. Liberte-se do remorso e pare de se vitimizar diante das experiências de vida. Todos nós fazemos parte de um processo evolutivo. Essa é a razão maior de estarmos aqui.

4- Acredite mais na sua fé

A fé que habita em você é a sua força. A sua morada. Independente de crenças, espiritualidade. Você detém de toda força que necessita. Reconheça o seu poder e seja resiliente. Acredite na sua força interior e lembre-se que você pode vencer qualquer batalha.

5- O universo está dentro de você

Quando você se ver pertencente do todo e que uma força maior habita dentro de si, entenderá que para todas as coisas haverá sempre uma saída e uma lição a ser aprendida. Conscientemente ou inconscientemente fazemos escolhas o tempo todo – desde a hora que dormimos até ao acordar. E embora nem sempre consigamos compreender os porquês da vida, nada – absolutamente nada – acontece sem uma razão de ser. A medida que nos autoconhecemos, percebemos um universo de possibilidades existentes em nós e a cada descoberta, um novo olhar e um infinito particular. Não se restrinja! Permita-se ser e viver suas fases, procurando sempre tirar a melhor versão de si mesma.

Bate papo Variados

Das cartas que eu nunca te escrevi

Desde pequena sempre tive o hábito de escrever, e quando eu conto aqui para vocês que me saio melhor na escrita não é a toa. Eu lembro que escrevia muito para minha mãe, namorado, amigas e cartas para mim mesmo e que nunca tive coragem de mostrar à ninguém. E um fato curioso no meio disso tudo é que dentre tantos destinatários, eu nunca escrevi para Deus, embora a gente converse a beça durante o dia, nunca formalizei em uma carta todo o meu sentimento. Então neste post, a carta que eu quero escrever é para você Deus.

cartas

A nossa relação sempre foi singular e muito próxima, mas eu confesso que tive alguns momentos ao longo desses anos, de muitos questionamentos e incertezas. Sei lá, parece até pecado, mas eu preciso te dizer que desconfiei de você e da força que você fazia habitar em mim. É, eu sei que não deve ser legal ler isso, mas eu preciso ser sincera e lhe explicar porque isso também foi importante no meu crescimento pessoal.

Passei por uns apertos e nessas horas lembrei logo de você! Como tudo estava desandando e nada parecia dar jeito, me agarrei a ti na esperança de alguma luz mas a escuridão parecia não ter fim. Essa fase perdurou por um tempo que se tornou suficiente para eu questionar pela primeira vez se você realmente estava ali comigo segurando a minha mão. Eu clamava por ti, por uma resolução, e nada. E assim foram muitos momentos da minha vida. Duvidei de você muitas vezes. Mas é só a gente crescer um pouquinho, para entender que certas coisas acontecem para testar a nossa fé. E que não ter encontrado a solução no “meu tempo” foi um verdadeiro aprendizado porque foi nesse processo que descobri “o que é ser mais tolerante e paciente comigo mesma”.

Entendi que só você sabe o tempo certo das coisas. Em todas as vezes que eu desconfiei de ti, você me surpreendeu mais a frente e me fez compreender que até no seu momento de silêncio está trabalhando por mim, na sua infinita bondade.

Eu queria ter decorado aquelas orações e salmos bonitos que a minha mãe vive a me falar para poder conversar melhor com você, mas enquanto isso não acontece, eu vou fazendo do meu jeito mesmo e até nisso eu sei que me compreendes. Porque penso que o importante mesmo é nunca me esquecer de ti.

Querido Deus, meu amigo, meu pai. Sou profundamente grata a ti. Tudo que sou, tudo que tenho, toda sabedoria que hoje eu carrego comigo veio de ti. Das experiências que tive e que me fizeste entender o motivo de tê-las vivido. Agradeço também pelas pessoas que colocaste em meu caminho. Muitas apenas passaram, mas até elas me trouxeram alguma lição. Agradeço por ter mostrado que a minha fé é grande e forte o bastante para superar as adversidades do dia a dia. Obrigada por me inspirar, por não me deixar desistir dos meus sonhos e almejar sempre um futuro melhor. Para mim e para as pessoas que me cercam.

Sim, a estrada é longa, mas sei que você anda junto comigo, e não há razões para sentir medo. Obrigada papai do céu por tudo. Essa carta foi para você!

Essa postagem foi um dos temas sugeridos pelo Rotaroots, um grupo de blogueiros lá do facebook, super bacana! Para conhecer é só clicar aqui.